Principal » Notícias » Empreendedores do POP CENTER Porto Alegre atraem mídia do Centro do Brasil

Empreendedores do POP CENTER Porto Alegre atraem mídia do Centro do Brasil

0 Flares 0 Flares ×

pop-centerO arrojado e desafiador projeto que objetivou tirar os ambulantes das ruas do Centro de Porto Alegre, para torná-los pequenos empreendedores, está despertando o interesse da imprensa nacional. Em duas semanas, o POP CENTER recebeu importantes veículos de imprensa da região central do Brasil, como R7 e Revista Isto É, para mostrar o protagonismo de seu case de sucesso. Uma iniciativa promotora da dignidade de 780 ex-camelôs e suas famílias. Agora, para muito além do retorno financeiro, todos eles se tornaram pequenos comerciantes regularizados, pagadores de impostos e geradores de emprego.

   “A repercussão nacional de um exemplo social que vem dando resultados nos dá a sensação de dever cumprido. Porque desde o início, mais do que oportunizar novos negócios, a dimensão social e a dignidade das pessoas envolvidas sempre foram a prioridade do empreendimento”, afirma Elaine Deboni, diretora institucional do centro comercial.

A marca Fada Girls é uma das muitas histórias de quem deixou as ruas sob a condição de camelô e, depois da implementação do POP CENTER Porto Alegre, se tornou um empreendedor de sucesso. A marca atende ao segmento de vestuário feminino fitness. Os empreendedores responsáveis pela Fada Girls (uma junção com os nomes dos sócios-proprietários e irmãos Fábio e Daniel da Rosa Machado) são dois dos 780 novos comerciantes que comemoram uma guinada positiva em suas vidas.

Além disso, os jovens empresários atribuem parte do sucesso obtido à qualidade testada e aprovada pelos fãs da marca, que se encarregam de levar a Fada Girls adiante via boca a boca. Tanto é assim que os empreendedores já cresceram 300% no volume de negócios desde 2013.

Também contribuem os acessíveis preços de cada peça que, quando comparadas a produtos de qualidade idêntica e assinados por outras grifes, são de 40 a 60% mais baratos do que o observado na concorrência. Outro diferencial é a possibilidade de encomendar uma peça diretamente à marca, com ganhos para empreendedores e consumidores.

    À frente da loja Mell Biju, a pequena comerciante Tânia Campos Rodrigues encarna o papel de dona vitoriosa do próprio destino. Com um comércio de presenteáveis (brinquedos, pelúcias, bijuterias, maquiagens e afins), ela – que chegou à Capital há 17 anos, vinda de uma jornada sofrida em Palmeira das Missões (RS) –mantém no mínimo três funcionários regularizados que, de acordo com a demanda, podem chegar a cinco.

Antes prevalecia a informalidade das ruas para ela e o marido que trabalhavam como camelôs. Depois do POP CENTER Porto Alegre, ela conta orgulhosa as principais conquistas: “eu tenho a minha loja, o meu marido tem a dele e a minha filha, que recém se formou em Direito e já passou no exame da OAB, também já está montando o comércio dela”, comemora Tânia, disposta a trabalhar todos os dias para crescer sempre mais.

Ao sair do interior, seu principal objetivo era simplesmente ter um emprego formal. Hoje, Tânia agradece a Deus e à diretora Elaine Deboni pela possibilidade de empreender, com o respaldo necessário. Em nenhum momento se arrepende de ter virado patroa e, assim, já ter comprado a almejada casa própria. Prova de que, na reinvenção da perspectiva de vida, agradecem o mercado e, fundamentalmente, a sociedade.

Fonte: Assessoria de Imprensa

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 Pin It Share 0 0 Flares ×

Empresas Gaúchas

"15 minutos e você bem informado"

28 de novembro de 2016 Escrito por: Empresas Gaúchas
Parceiros Empresas Gaúchas
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 Pin It Share 0 0 Flares ×